SINDICATOS SE MOBILIZAM NA FORMAÇÃO DE COMITÊS EM DEFESA DA DEMOCRACIA

Como ocorre em todo o Brasil, com a criação de Comitês Populares em Defesa da Democracia e pelo Direito de Lula ser Candidato, no Rio Grande do Norte já somam mais de 40 comitês formados em todo o estado.

O Movimento Sindical que reconhece a explícita tentativa de inviabilizar a candidatura do Ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, sem algum tipo de prova e entendendo que isto compromete a democracia, também está organizado na luta pela democracia e por uma justiça digna para todos.

Após a formação do Comitê Popular em Defesa da Democracia e pelo Direito de Lula ser Candidato que a FETRAF/RN formou, vários Sindicatos de base, estão se somando a esta luta, formando seus próprios comitês ou unindo-se a outros movimentos e partidos políticos que defendem esse ideal.

No dia 13 de janeiro em São Paulo do Potengí, município distante 85 km de Natal/RN, o Coordenador Geral da FETRAF/RN, João Cabral de Lira, Juntamente com Companheiros do SINTRAF de São Paulo do Potengí e do Partido dos Trabalhadores (PT), realizaram uma panfletagem na feira do município, dialogando com a população quanto ao risco que a democracia corre, por esse julgamento e possível condenação do Lula sem provas.

Já no dia 15 de janeiro, os Companheiros e Companheiras do SINTRAF de São Miguel do Gostoso, município distante 101,2 km de Natal/RN juntamente com militantes do PT, Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e Marcha Mundial das Mulheres (MMM), formaram mais um Comitê Popular em Defesa da Democracia e pelo Direito de Lula ser Candidato.

E no dia 16 de janeiro, uma grande Assembleia foi formada no SINTRAF de Montanhas, município distante 102,9 km de Natal/RN que reuniu centenas de Agricultores do município, lideranças locais e estaduais como o Deputado Estadual Fernando Mineiro (PT), Presidente do PT do RN, Junior Souto, além de representantes de outros movimentos sociais.

Fotos: Hildemar Peixoto, Odair Bispo e Jo√£o Cabral