FETRAF/RN PARTICIPA DA ENTREGA DE 200 NOVAS UNIDADES HABITACIONAIS DO MINHA CASA MINHA VIDA

Na √ļltima quarta-feira (20), o Coordenador Geral da Federa√ß√£o dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar do Rio Grande do Norte (FETRAF/RN), Jo√£o Cabral de Lira, participou da Solenidade de entrega de mais 200 novas unidades habitacionais pelo Programa Minha Casa Minha Vida, em Serra Caiada, munic√≠pio distante 78,6 km de Natal/RN.

Com a presen√ßa de centenas de Agricultores Familiares benefici√°rios do programa e lideran√ßas locais, o evento foi realizado numa parceria entre a FETRAF/RN ; Instituto de Desenvolvimento Habitacional Cana√£ (IDEHAC); Caixa Econ√īmica Federal e a Prefeitura de Serra Caiada.

SAIBA MAIS SOBRE O PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA - MODALIDADE RURAL

O PNHR - Programa Nacional de Habita√ß√£o Rural​¬†foi criado pelo Governo Federal no √Ęmbito do Programa¬†Minha Casa Minha Vida,¬†atrav√©s da Lei 11.977/2009 e com a finalidade de possibilitar ao agricultor familiar, trabalhador rural e comunidades tradicionais o acesso √† moradia digna no campo, seja construindo uma nova casa ou reformando/ampliando/concluindo uma existente.​


Menor taxa de juros do mercado

O Programa do Governo Federal oferece condi√ß√Ķes de pagamento e taxas de juros¬†de acordo com a renda da sua fam√≠lia

Financiamentos de moradias em √°reas urbanas ou rurais

Você pode financiar a compra de imóvel novo em área urbana ou ainda a construção e reforma de moradias em área urbana e rural.

Atendimento especializado

Locais de atendimento específicos, de acordo com cada tipo de financiamento.

Programa Caixa de Olho na Qualidade

O canal exclusivo para esclarecer d√ļvidas e registrar eventuais problemas em sua casa e ajudar voc√™ a cuidar do seu patrim√īnio - 08007216268.

Quem pode ter

O programa é destinado a agricultores familiares e trabalhadores rurais com renda bruta anual até R$ 78.000,00.

São também considerados agricultores familiares, como beneficiários do PNHR: os assentados beneficiários do PNRA, pescadores artesanais, extrativistas, aquicultores, maricultores, piscicultores, comunidades quilombolas,povos indígenas e demais comunidades tradicionais.

Para participar, as fam√≠lias devem ser ordenadas em grupos de no m√≠nimo 4 e no m√°ximo 50 fam√≠lias. Esse processo deve ser realizado por uma entidade organizadora sem fins lucrativos, como o Poder P√ļblico, cooperativas e sindicatos, entre outros.

As famílias podem ser enquadradas em três grupos de rendas, conforme renda familiar anual:

Grupo I: famílias com renda até R$ 17.000,00/ano. O subsídio é concedido pelo OGU mediante devolução de contrapartida correspondente a apenas 4% do valor recebido. E mais: você só começa a pagar após a entrega da nova casa.

Grupo II: famílias com renda de R$ 17.000,01 a R$ 33.000,00/ano. Você tem até 12 meses para construir ou reformar, com uma taxa nominal de juros de 5% ao ano e o valor do financiamento de até R$ 30.000,00.

Grupo III: famílias com renda de R$ 33.000,01 a R$ 78.000,00/ano. A sua família pode construir a casa que sempre quis e contar com um prazo para pagar de 7 a 10 anos após o término da obra. Com benefícios assim, fica muito mais fácil tirar os planos do papel.

Para participar, procure a agência da Caixa mais perto de você.

Fotos e Informa√ß√Ķes: Assessoria Jo√£o Cabral e Caixa Econ√īmica Federal