AGRICULTORA DONA MÍRIAM DE FELIPE GUERRA MANTÉM A TRADIÇÃO DA PRODUÇÃO DE DOCES CASEIROS

A tradição de produzir doces caseiros a partir dos produtos da Agricultura familiar permanece viva na região do Oeste Potiguar.

Em Felipe Guerra, município distante 352 km de Natal/RN, a Agricultora Familiar, Dona Miriam mostra com satisfação, sua produção de doces caseiros em visita que o Presidente do SINTRAF, Francisco Antônio fez a sua unidade produtiva.

Dona Miriam é uma das doceiras mais conhecidas da região e a mesma é sócia da Associação São Lourenço, onde reside e do próprio Sindicato de Felipe Guerra.

Ela produz e comercializa doces de mamão com coco, banana com coco e outras variedades.

A produção é feita de modo artesanal com fogo a lenha, o que dar uma simbologia ainda maior para o seu trabalho.

 

BOX PARA COMERCIALIZAÇÃO DE DOCES NA CECAFES

Na Central de Comercialização da Agricultura Familiar e Economia Solidária (CECAFES), localizada em Natal/RN, os clientes podem encontrar doces caseiros para vendas como os da Dona Miriam, em um box localizado na Central de Comercialização.

É o boxi "Sabores da Vivenda", que se encontra disponível, de segunda a sábado, das 8h às 13h, onde lá existe uma variedade de doces de frutas como o caju, goiaba, abacaxi, mangaba, umbu e outros.

Os doces são produzidos por uma empresa no munícipio de Ceará-Mirim.

É preciso fortalecer o trabalho dos nossos Agricultores Familiares, dando-lhes a oportunidade de vender seus produtos para um mercado maior e a própria CECAFES deve ser uma das alternativas.

 

Com informações e fotos: Francisco Antônio da Silva - SINTRAF Felipe Guerra/RN e Revista Deguste

Escrito por: Alex Pontes - Coordenação de Juventude FETRAF/RN